Seja bem-vindo, rock on!

Excursão Arctic Monkeys & The Hives (São Paulo/SP)

segunda-feira, julho 21st, 2014

Arctic Monkeys anuncia a banda The Hives para a abertura dos shows no Brasil

Uma das mais importantes bandas da história do rock mundial, Arctic Monkeys chega ao Brasil pela primeira vez com uma turnê solo, para apresentações em São Paulo e no Rio de Janeiro.

Ingressos estarão disponíveis para a venda no dia 23 de julho, para apresentação em São Paulo, e 29 de julho, para o Rio 

Considerada uma das principais bandas da cena do rock internacional, os ingleses do celebrado Arctic Monkeysestão de volta ao país em novembro para duas apresentações no país. Esta será a primeira passagem do grupo pelo Brasil com um show completo da banda, fora de apresentações em festivais.

Como parte de sua turnê latino-americana, que será vista ainda na Argentina, Chile e Colombia, o Artic Monkeysse apresentará no dia 14 de novembro na Arena Anhembi, em São Paulo, e no dia 15 de novembro na HSBC Arena, no Rio de Janeiro. O show de São Paulo faz parte da plataforma Live Music Rocks. Os ingressos para São Paulo estarão disponíveis para a venda a partir de 23 de julho e, no Rio, 29 de julho, ambos no site da Livepass(www.livepass.com.br).

Criada em 2001 nos subúrbios da cidade inglesa de Sheffield, a banda teve seu álbum de estréia, “Whatever People Say I Am, That’s What I’m Not”, lançado em janeiro de 2006 e ainda detém o recorde de álbum de lançamento mais rapidamente vendido de uma banda no Reino Unido, com 120 mil cópias vendidas somente no primeiro dia. Receberam o Mercury Prize 2006, vários Brit Awards e uma indicação para o Grammy de Melhor Álbum de Música Alternativa.

A banda de rock The Hives foi confirmada para abrir os dois shows brasileiros. Formada em 1993 na Suécia, a banda alcançou sucesso mundial em 2000 com o lançamento do álbum Veni Vidi Vicious. Famosa por suas apresentações altamente energéticas, tendo à frente o vocalista Howlin’ Pelle Almqvist e seu irmão, o guitarrista Nicholaus Arson, a banda tem sido aclamada pela crítica como uma das melhores bandas de rock ao vivo no cenário mundial.

Arctic Monkeys

A história do Arctic Monkey começa no natal de 2001, quando os vizinhos Alex Turner e Jamie Cook, após ganharem guitarras de presente, resolveram montar uma banda com seus amigos de escola, Andy Nicholson, que tocava baixo, e Matt Helders, que se tornou o baterista. Sob o nome “Bang Bang”, eles tocavam covers de bandas como Led Zeppelin. Após Alex assumir o vocal e a tarefa de escrever canções, eles mudaram o nome da banda para “Arctic Monkeys”, tirado de um grupo do qual o pai do baterista Matt Helders fez parte nos anos 70.

Após os primeiros concertos, em 2003, eles começaram a gravar CD demos e distribuí-los para o público. Como a oferta era limitada, os fãs copiaram as canções e as disponibilizaram pela Internet. Até um perfil da banda no site MySpace foi criado, tudo sem que os próprios membros estivessem cientes. Graças a essa divulgação viral pela rede, a banda começou a ficar famosa. Em 2004, sua popularidade chamou a atenção da BBC Radio One e da imprensa britânica. Mark Bull, um fotógrafo amador local filmou uma apresentação ao vivo e fez o videoclipe para “Fake Tales Of San Francisco”, lançando-o no seu site, juntamente com a coletânea “Beneath The Boardwalk”.

Em maio de 2005 a banda lançou seu primeiro EP, “Five Minutes with Arctic Monkeys”, com apenas 1500 cópias em CD e 2000 em vinil de 7″, mas também disponível no ITunes. Em junho assinaram contrato com a Domino Records e, logo depois, tocaram no Carling Stage, palco dos festivais de Reading e Leeds reservado para bandas menos conhecidas. Em outubro daquele mesmo ano sairia o primeiro lançamento pela Domino – “I Bet You Look Good on the Dancefloor”, que foi direto para o primeiro lugar nas vendas de compactos simples do Reino Unido, com 38.962 cópias. No mesmo mês, estamparam sua primeira capa da revista New Musical Express. O segundo compacto simples, “When The Sun Goes Down”, saiu em 6 de janeiro de 2006 e vendeu 38.922 cópias, novamente alcançando o topo das vendas.

Mesmo com o vazamento na Internet e o intenso compartilhamento de arquivos, o álbum de estréia “Whatever People Say I Am, That’s What I’m Not”, lançado em 2006, alcançou cifras recordes de venda. As 120 mil cópias no Reino Unido, só no primeiro dia, ultrapassavam a soma de todos os outros álbuns do “top 20″ do país nessa data, e a primeira semana foi fechada como 363.735 cópias. Sem deixar a poeira baixar, em abril de 2006 lançaram um EP com cinco faixas, “Who the Fuck Are Arctic Monkeys?”, que teve boas vendas, mas poucas execuções em rádio. Logo após o lançamento do EP, a banda apresentou um novo baixista, Nick O’Malley. Incialmente, Nick apenas substituiria Andy na turnê pelos Estados Unidos, mas depois foi anunciado que ele assumiria o lugar definitivamente.

Em abril de 2007 lançaram o seu segundo álbum, “Favourite Worst Nightmare”, que logo chegaria à primeira posição nas paradas britânicas. Deste álbum surgiram três singles, “Brainstorm”, lançado em abril, “Fluorescent Adolescent”, em julho e “Teddy Picker” em dezembro. No final do ano de 2008, já com alguns riffs de guitarra e as canções prontas, o grupo iniciou as gravações do terceiro álbum. Contando com a produção de James Ford e de Josh Homme, vocalista do Queens of The Stone Age, a banda gravou “Humbug” que foi lançado em agosto de 2009. Em 6 de junho de 2011 a banda lançou seu quarto álbum de estúdio intitulado “Suck It and See”.

Em 28 de julho de 2012, o Arctic Monkeys tocou na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Londres, e desde então seu cover da música “Come Together”, dos Beatles, disparou nas paradas britânicas, bem como seu álbum de estréia, “Whatever People Say I Am, That’s What I’m Not”, que atingiu novamente o topo de vendas seis anos após seu lançamento. Em 9 de setembro de 2013, o álbum intitulado “AM” foi lançado. O primeiro singledeste disco foi a canção “Do I Wanna Know?”. Em fevereiro deste ano, o Arctic Monkeys ficou com os prêmios de melhor grupo e melhor disco do ano, por “AM”, no Brit Awards.

Fonte: Live Pass

Arctic Monkeys e The Hives

 

Facebook

 

Contato